Em Agosto de 2013 saí do avião no aeroporto de Ilhéus, Brasil, e o ar quente acariciou-me a face. Enquanto me dirigia com a minha família para levantar as bagagens, observava as pessoas a correrem de um lado para o outro, como se o tempo caísse como finos grãos de areia por entre os seus dedos.

Senti que a Viagem que tinha criado anos antes, cada vez significava mais para o mundo e para a humanidade. Iria ser passada desta vez de uma forma especial, num local especial, com pessoas especiais.

Acredito que todos nós somos pessoas especiais, numa busca comum por algo maior que nos mova, algo maior que nós próprios, algo maior do que o simples facto de termos dinheiro no banco, termos um trabalho, termos um carro ou uma casa.

Esta é a busca por um propósito maior, com a capacidade de transformar o Ter no Ser e com a clareza de perceber que o Ter é a consequência direta do Ser. Esta busca implica por si só várias fases:

A primeira delas é a da luta, quando nos deparamos com conceitos e paradigmas que confrontam a nossa forma de pensar e de estar, tornando-se desruptiveis e gerando luta, conflito interno e externo e a consequente frustração.

A segunda fase é a da confusão, quando não sabemos quem somos, porque aqui estamos e o que cá viemos fazer.

A terceira fase é a da clareza, quando descobrimos a nossa missão, o nosso sentido maior para viver, o nosso propósito de vida e o assumimos.

Esta é a fase que eu decidi transformar numa viagem de 8 dias, permitindo a todos aqueles que nela embarcam, uma profunda descoberta de si próprios: a descoberta do seu EU superior. Esta é a grande viagem dentro de ti mesmo. Vê aqui neste link, ou se preferires vê em baixo, este vídeo inspirador.

 

 

Quando aqui entrei, senti novamente uma energia incrível a rodear-me. Olhei em volta a tentar perceber de onde vinha.

Desisti. Sentei-me, coloquei as mãos na terra e agradeci. Estava novamente em casa.

É neste local inspirador, que decido ajudar cada pessoa a espiritualizar a matéria, ou seja, a encontrar um propósito maior para fazer aquilo que faz, e materializar o espirito, ou seja, conseguir concretizar a sua missão.

Aglutinando ambos, cada um de nós merece por natureza ser capaz de concretizar com propósito, e assim, encontrar a sua felicidade, a sua paz interior e a sua realização pessoal.

Este local é constituído por vários chalets concebidos para resgatarem a natureza de cada pessoa. Com vista mar e distanciado deste apenas por alguns metros, viajaremos dentro e fora de nós, por entre momentos na oca central, mergulhos no mar quente e passeios ao luar.

Se me segues no Facebook, podes ver alguns vídeos com momentos do retiro que tenho partilhado com os meus seguidores.

Desejo acima de tudo que encontres a tua realização e um sentido maior para a vida.

Desejo-te um dia inspirador.

Mário Caetano

 

Publiquei outro artigo no blog que está relacionado e acho que vais gostar de ler. Chama-se Não sabes como reconhecer o teu Propósito de Vida? e basta clicares para ler agora.