O caminho que ultimamente tenho percorrido tem sido em alta velocidade, mas ao invés de perder energia, sinto que ela cresce. Ora vê:

Antes de escrever este texto terminei uma sessão de coaching e, de seguida, iniciei o 2º fim de semana do retiro A transformação.

Sinto-me grato por estar rodeado por uma equipa com um propósito comum, que me ajuda a preparar toda a operacionalidade do retiro.

Por isso mesmo nessa semana regressei a Portugal na 4ª feira vindo de Dublin, Irlanda, após ver os U2 tocarem na sua terra natal perante uma multidão calorosa de milhares de pessoas. Sinto-me grato por ter viajado até lá.

 

 

 

E essa viagem ganhou mais sentido, porque foi feita com conjunto de clientes empreendedores, que com o tempo se transformaram em amigos. Sinto-me grato por os ter como amigos.

E foi uma viagem relâmpago, ou seja, cheguei a Dublin no dia anterior ao meu regresso a Portugal. Sinto-me grato por viver num tempo em que posso viajar de avião num dia e regressar no outro.

E no dia anterior à minha viagem para Dublin, uma das minhas 3 filhas festejou o seu aniversário. Sinto-me grato por ter estado presente com toda a família.

E nesse mesmo dia de manhã, regressei a casa após finalizar o 1º fim de semana do retiro A Transformação. Sinto-me grato por voltar ao lar.

E nos 5 dias anteriores, estive focado em ajudar pessoas a desbloquearem os seus problemas e a encontrarem o seu caminho. Sinto-me grato quando ajudo as pessoas a transformarem as suas vidas.

E na mesma noite em que cheguei ao hotel para facilitar a 1ª parte do retiro, iniciei também o meu Programa anual “Máximo Impacto Premium”, destinado a empresários e a empreendedores. Sinto-me grato por ajudar pessoas a colocarem conscientemente a sua Mensagem ao serviço dos outros no seu negócio.

E na noite anterior a tudo isto começar, agarrei-me à minha companheira e disse-lhe ao ouvido:

Retiro Transformação
   

Sinto-me grato por te ter a meu lado. Sem ti, nada disto era possível.

Sem ti, não conseguiria apreciar a beleza de 3 filhas maravilhosas que geraste.

Sem ti, não conseguiria ter recuperado tão bem da operação que fiz.

Sem ti, não ganharia uma força tão grande para correr nas montanhas.

Sem ti, não conseguiria encontrar um significado maior para todo o dinheiro que perdi.

Sem ti, não me conseguiria ter levantado tão rápido após ter caído.

Sem ti, tudo seria bem diferente.

Acredito que mais rapidamente encontramos o nosso caminho quando nos rodeamos da equipa certa. Dos amigos certos. Da Tribo certa.

Encontramos o nosso caminho quando partilhamos a nossa verdade com a pessoa certa, juntando-lhe uma pitada de gratidão, conseguindo unir coração com coração.

Rodeia-te das pessoas certas. E encontra o teu caminho.

Clica aqui para veres o vídeo que preparei para ti (ou vê já em baixo):

 

 

Desejo-te um dia inspirador.

Mário Caetano

 

 

SUBSCREVE A NEWSLETTER DO MEU BLOG

Estou empenhado em continuar a construir conteúdos de excelência, com o propósito de te ajudar a encontrar o teu caminho. Ao subscreveres esta Newsletter irás receber em primeira mão um pequeno excerto e o link respectivo do novo artigo que sair no Blog Mário Caetano.

Pin It on Pinterest

Share This