O livro “Man’s search for meaning” (Em busca de sentido) do psiquiatra austríaco Viktor Frankl, sobrevivente do campo de concentração nazista de Auschwitz na Segunda Guerra Mundial aborda  algumas ideias que acreditamos podem fazer a diferença na forma como encararmos os desafios da vida.

A Ideia de Dr. Frankl foi partilhar com as pessoas o que podemos aprender quando a mente humana é submetida a condições extremas de dor e sofrimento. A mensagem do livro é que devemos dizer “sim” a vida, pois ela mantém um significado potencial sob qualquer condição, mesmo a mais miserável.

A fórmula matemática para encarar os desafios da vida pode ser traduzida da seguinte forma:

Desespero = Sofrimento – Significado

As pessoas que encontram um significado mediante os desafios a que são submetidos têm uma enorme capacidade de criar força, coragem e resiliência.

Propomos um rápido exercício de reflexão:

  1. Pense agora num grande líder da humanidade ou alguém da sua vida pessoal pela qual tem grande admiração. Pare um minuto para fazer isso. Acredito que vale a pena!
  2. Que qualidade(s) admira nessa pessoa? Coragem? Compaixão? Disciplina? Resiliência? Direccione a sua atenção nesta pessoa para perceber o que é exactamente.
  3. Do que é que esta pessoa precisou para demonstrar tal(is) qualidade(s)? De uma vida calma e pacata ou grandes desafios ?
  4. Você acredita que ela encontrou um significado maior ao lidar com estes desafios? Ela partilhou as aprendizagens para ajudar e inspirar outras pessoas?

Quando as pessoas não ficam conscientes do que estão a aprender no seu percurso de vida, não percebem que habilidades, que talentos,  precisam desenvolver para encarar os desafios ou perdem a esperança em encontrar um significado maior na situação que estão a enfrentar, ficam mais susceptíveis a doenças e podem até pensar em tirar a própria vida.


Dr. Frankl afirma que tudo pode ser tirado de uma pessoa, menos uma coisa: a última instância da liberdade humana – escolher a sua atitude em qualquer situação. Por tudo isto, se está a enfrentar desafios na sua vida pessoal ou profissional traga e fique consciente das suas escolhas e responda para si mesmo:

  1. O que estou a aprender?
  2. Que habilidades, que talentos, preciso desenvolver para lidar com esta situação? Vou sentir que sou uma pessoa ainda melhor quando tiver feito isso?
  3. Como posso fazer disto uma forma de amenizar o sofrimento de outras pessoas?

Abaixo partilhamos uma entrevista de Viktor Frankl (legendado) para quem quiser explorar um pouco mais.

 

Parte I  

 

 
Parte II
 
 
 
 
Equipa Mário Caetano